Como escrever um email de sucesso

Tempo de leitura: 5 minutos

Dentro da rotina de trabalho do corretor de imóveis, boa parte da prospecção de novos clientes é realizada pela internet, através de e-mails recebidos com pedidos de mais informações sobre imóveis ofertados em sites e portais.

Neste cenário, muitos corretores encontram dificuldades para conseguir obter respostas em suas interações e fazer com que este envio de e-mail se torne a porta de um diálogo que possa iniciar uma negociação.

Neste post você irá aprender como elaborar um e-mail bem sucedido e como responder adequadamente uma solicitação de mais informações de modo a conseguir mais resultados no seu trabalho e quais cuidados devem ser tomados para evitar que seu e-mail seja ignorado ou mesmo apagado.

Estrutura do E-mail:

Basicamente, existem 3 itens que compõe a estrutura e determinam a abertura e a resposta de um e-mail: O assunto, o seu conteúdo e fatores extras que devem ser evitados ou que merecem atenção e revisão antes de você enviá-lo. Vejamos um a um:

ASSUNTO: Este é o primeiro elemento informativo de um e-mail, sua composição requer cuidados pois, ao contrário do que parece, possui um número limitado de caracteres. Mantenha a atenção no que realmente importa:

a)  Comunicar o conteúdo da mensagem: O nome do empreendimento ou a localização do imóvel deverão abrir a composição do e-mail, isto facilitará a este possível cliente identificar que sua solicitação está sendo respondida.

b)  ‘Lembrar’ o cliente de sua solicitação: Após o nome do imóvel, mencione o canal pelo qual recebeu o lead também irá ajudar este cliente a refrescar sua memória. Dificilmente ele pediu informação apenas na sua imobiliária, ou apenas da sua oferta.

CONTEÚDO: O conteúdo do e-mail também se divide em três partes importantes: Apresentação pessoal; apresentação do imóvel e fechamento, distribuídos como no exemplo abaixo:

Apresentação Pessoal

1 – Saudação – Não se apresse em entrar de vez no conteúdo, antes faça uma saudação sem deixar de citar o nome da pessoa para quem você está escrevendo.

2 – Identifique-se como corretor –  Como a relação por e-mail não é humanizada, ao contrário, ela é um contato frio cabe a você mostrar que é um profissional apto ao atendimento, não apenas a solução de dúvidas. É ainda muito comum hoje, que após receber as informações sobre determinado imóvel ofertado, o cliente termine com: “Ok, obrigado pelas informações, agora vou procurar um corretor”. Por isto, não deixe de se apresentar, é muito importante.

Apresentação do Imóvel

3 – Informe a finalidade da mensagem – Antes de passar ao seu futuro cliente as informações sobre o seu imóvel à venda, crie uma pequena introdução informando a finalidade desta mensagem. Expresse com simplicidade e de um modo direto, se possível inclua a data da solicitação: em resposta a sua solicitação feita em 25 de junho, segue abaixo uma breve descrição do imóvel XXX;

4 – Responda as solicitações:  Esta é a parte do e-mail onde o possível cliente realmente tem interesse. É a razão pela qual ele solicitou ‘mais informações’. O pecado aqui é passar informações demais, todo um book de imagens repetitivas como brinquedoteca, playground, vários tipos plantas e perspectivas. Lembre-se que hoje, grande parte dos e-mails são abertos em smartphones, e muitas imagens podem ser um problema.

Envie ao cliente aquilo que ele solicitou, nada mais que isto (5). Pode parecer pouco, pode parecer que isto irá gerar uma sensação insatisfação em quem recebe o e-mail, mas a próxima dica fala disto.

Fechamento

6 – Utilize perguntas abertas – Uma reclamação comum a maioria dos corretores é dizer que clientes sequer responder a e-mails de primeiro contato. Existe uma dica prática que complementa as anteriores e aumenta significativamente a interação entre corretor e cliente. Antes de terminar o e-mail, insira um ou duas perguntas abertas como por exemplo: Deseja receber quais outras informações?  Qual área do imóvel você deseja mais imagens?

As perguntas abertas servem para fazer falar, incitam quem as recebe a responder e permitem o início de um diálogo. Estas perguntas geralmente contém as palavras QUAL, COMO, QUE e POR QUE? E diferem das perguntas fechadas que permitem apenas um SIM ou um NÃO. Deseja receber mais imagens? Pretende visitar o imóvel este final de semana?

Portanto, antes de assinar seu email, utilize perguntas abertas, faça este teste e irá perceber que a maioria dos clientes irá te responder.

7 – Assine o seu e-mail

Ao encerrar um e-mail, vários corretores acabam deslizando, cometendo pequenos erros que podem comprometer inclusive a entrega. Fazem isso porque querem caprichar na assinatura e exageram com imagens, frases de efeito e muita informação que a rigor não ajudam em nada além aumentar o risco de ser classificado como spam.

FATORES EXTRAS

Alguns cuidados extras devem ser tomados para não comprometer todo o trabalho de elaboração de um e-mail. Os mais importantes, que devem ser evitados são:

– Utilizar CAIXA ALTA: Não escreva seus e-mails em letras maiúsculas, ao menos que deseje destacar algum ponto. E-mails totalmente redigidos em caixa alta irão transmitir a ideia que você poderá está gritando com o destinatário.

– Cores, fontes e Tamanhos:  Não existe necessidade de gastar tempo com formatações de cores, escolha de fontes desenhadas ou diversos tamanhos durante a formatação do seu e-mail. Mantenha a sobriedade.

– Pontuação: Via de regra, ao escrever um e-mail, utilize corretamente as regras de ortografia. Muitos pontos de exclamação para encerrar uma frase não irão transmitir uma sensação de urgência, mas poderão desagradar a quem está lendo.

Um e-mail bem redigido e elaborado irá permitir que você transmita a impressão de corretor preparado e que sabe o que está fazendo. A velocidade de resposta de um e-mail também é outro fator que conta. Retornar o mais rápido possível, de preferência imediatamente após a solicitação de mais informações aumentará em muito a chance de conversão e sucesso desta interação.

Fonte: Viva Corretor

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *