Mercado imobiliário se agita com redução dos juros da Caixa Econômica Federal

Tempo de leitura: 1 minuto

Expectativa é de melhora com a diminuição das taxas de juros do crédito.

caixa-economica-foto-abr1

A decisão da Caixa Econômica Federal de reduzir os juros e ampliar o limite de financiamento animou o mercado imobiliário. Acredita-se que a redução em 0,25 ponto percentual não irá mudar o cenário atual, mas sinaliza um movimento positivo do governo na recuperação da economia. O banco também ampliou o limite de financiamento, de 80% para 90% do valor do imóvel, para compradores que aceitarem receber salário pelo banco.

Este ano contabilizamos uma queda de 45% do crédito imobiliário se comparado a 2015, e sabermos que não será este pequeno percentual que vai alterar o mercado de forma significativa, mas já mostra que há uma movimentação, estimulando as vendas. Como a Caixa é responsável por mais de 65% do crédito imobiliário no país, então é natural que os bancos privados acompanhem esta redução para não perder mercado.

O corte na taxa básica (Selic) pelo Banco Central feita recentemente, de 14,25% para 14% ao ano estimulou a redução da Caixa.

Para mim, esta mudança já demonstra o esforço do atual governo para retomada de crédito aos poucos. Mas é preciso de atenção ao desemprego para devolver estabilidade para as famílias brasileiras. Com isso ocorrendo a tendência é os bancos facilitarem o crédito novamente para quem sabe em um futuro breve termos novamente um aquecimento do mercado imobiliário.

Quem tem possibilidade de investir agora, deve aproveitar as centenas de oportunidades que existem, pois após a recuperação econômica, os preços de hoje serão apenas lembranças.

 

Fonte: O Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *